Nossas Notícias

Notícias e anúncios recentes

09 de Novembro de 2020 - Novidades

Conheça todas partes de um calçado

Sapatos e tênis podem apresentar variadas partes conforme o modelo

 

Fabricados em couro ou tecido, com saltos baixos ou altos e modelos abertos ou fechados. Há sapatos para todos os tipos de gostos no mercado calçadista do Brasil e do mundo. E com essa variedade de estilos e modelos usados para ir ao trabalho, passear ou até mesmo para a prática de esportes, é de se imaginar que existam modos diferentes de fabricação e partes especificas que compõem cada um deles.

Você já parou para pensar quais são as partes que compõem um calçado? Ficou curioso? Confira nesse artigo quais são os nomes dados à estrutura interna e externa dos calçados e conheça melhor como são feitas essas peças indispensáveis do nosso figurino.

Sola e solado: engana-se quem pensa que são sinônimos para a mesma parte do calçado. A sola é apenas a parte externa que está em contato direto com o solo, enquanto o solado é todo o conjunto de peças que forma a parte inferior do calçado, incluindo a entressola, camada que fica entre a sola e a palmilha.

As solas, em geral, são feitas de polímeros nas mais diversas composições e podem ser moldadas ao modelo ou apenas injetadas.

Cabedal: esse é o nome dado à estrutura ou corpo do calçado, que pode ser encontrado em diferentes estilos, como simples tiras presas à sola para segurar parte do pé e permitir a caminhada ou ainda os modelos que cobrem toda a parte do peito e lateral do pé. A parte frontal do cabedal é chamada de gáspea e a parte que fecha as laterais e o calcanhar é chamada de traseiro ou pala. Ainda no cabedal está o contraforte, nome dado ao reforço interior colocado entre a pala e o forro na parte do calcanhar.

O cabedal pode ser feito de diferentes materiais, como polímeros, couro, tecido, couro sintético ou até mesmo em camadas de diferentes materiais, como é o caso dos tênis.

Forro: revestimento interno de couro ou de tecido que fica em contato direto com o pé.

Couraça: parte interna que fica sob o material externo do cabedal e do forro que dá estrutura e reforça o bico do calçado.

Palmilha: há duas diferentes palmilhas na estrutura de um calçado. Uma delas é a palmilha de montagem, geralmente feita de celulose ou couro, desenhada no formato completo do solado, ao qual é fixada internamente, criando a base para que seja montado o cabedal. Outra palmilha que compõe um calçado é a palmilha de acabamento, geralmente feita de couro, plástico ou tecido, ela é colocada para cobrir a parte interna do calçado, podendo ser removível (como é o caso dos tênis) ou fixa (como nas sandálias e sapatilhas.

Alma: entre o solado e a palmilha, posicionada longitudinalmente, há normalmente uma peça de metal, madeira, arame ou até mesmo de plástico que serve para sustentar a planta do pé e dar firmeza no caminhar.

Vira: parte colada ou costurada em torno do sapato que dá acabamento e mantém a estrutura fixa ao cabedal.

Salto: de diferentes alturas e formatos, os saltos ficam na região do calcanhar e são suportes fixados à sola com o intuito de garantir estabilidade e equilíbrio ao calçado, além de dar alguns centímetros a mais para quem o está usando. Nem todos os modelos de sapatos têm salto.

Acabamentos estéticos: são os detalhes que deixam o calçado personalizado e que fazem toda a diferença na hora do cliente escolher entre um modelo e outro. Contudo, os ornamentos não se resumem apenas aos laços, pedras e flores presentes nos calçados femininos e infantis. Os diferentes recortes, frisos e sobreposições dos tênis também fazem parte do acabamento, além do cadarço, zíper, velcro, etiquetas e outros acessórios colocados no calçado.

De modo geral, essas são as principais partes que compõem grande parte dos calçados que usamos diariamente. Claro que alguns modelos específicos podem ter outras partes além dessas, visando não apenas a questão estética, mas também aspectos funcionais do calçado.

E para garantir um acabamento adequado e uma boa estruturação dos diferentes tipos de calçados, os adesivos são peça-chave no processo de produção. A Quimicolla possui uma linha de adesivos que pode ser utilizada nos diferentes tipos de calçados garantindo ao cliente mais proteção, ergonomia, conforto e resistência. Conheça nossos produtos e entre em contato conosco.

Voltar
Top